domingo, 14 de agosto de 2011

Quem me dera...


Quem me dera caminhar pela cidade, contemplar a beleza da Ria, ver os moliceiros a transportar pelos seus canais os turistas que visitam a nossa "Veneza", observar as brincadeiras das crianças nas zonas de lazer da cidade...

Homenagem a Amadeu de Sousa

numa palestra realizada na Escola Secundária José Estevão em Aveiro

Quem me dera enterrado junto ao cais
na tumba da maré da eternidade,
onde vive o Aveiro e a saudade,
a beleza infinita dos canais!
E nessa sepultura ser arrais
do barco ancestral desta cidade,
onde mora a raiz da Liberdade,
semeada por vozes imortais!
Então nesse recanto do Rossio,
onde o amor nasceu, e ali ouviu
o murmurar da água na muralha,
quem me dera morrer de maresia,
e na urna embalada pela ria,
vestirem-me de sal, como mortalha!"

Soneto "A Paixão" de Amadeu de Sousa

A “Colectânea Poética” de Amadeu de Sousa reúne textos de várias das suas obras, revelando também na sua poesia uma enorme paixão pela cidade de Aveiro:





Com a patinha partida, mas livre para voar...


- Chuta a bola para o menino, sua estátua só com pés e cabeça:-)
- É só para enganar avó, não é o jogo do labirinto pois não?:-(



Dedico esta mensagem ao meu neto que me acompanhou nesta manhã de Domingo, até colheu flores amarelas para levar à mãe, só que com o calor murcharam e tivemos que arranjar outras:-)

10 comentários:

lis disse...

Bonita homenagem Ana
as fotos falam por si e o poema é uma declaração de amor a Ria de Aveiro tão linda ,sempre.
um beijinho e obrigada por essa oportunidade de vir até voce e partilhar mais uma série bonita de seus olhares.
com afeto e amizade

Agulheta disse...

Querida Ana Paula!Nem sei como começar o que de belo li e vi.O poema é lindo e sabe as raízes de um Aveirense,porque essa cidade é bonita,já algum tempo que não vou a Aveiro,passo bem perto por vezes.Já agora o que uma avó babada não faz pelos seus netos?Adorei as fotos,tens realmente o dom da fotografia.
Beijinho minha amiga

elvira carvalho disse...

Excelente post amiga. É sempre um privilégio passear por este cantinho, recheado de lindas imagens e bons textos.
Abraço e um bom fim de semana.

Luís Miguel Inês disse...

Querida amiga, queria primeiro que tudo desejar que a tua saúde seja perfeita.Obrigado pelos teus comentários no meu blogue.
Já vi que andaste a passear com o teu neto isso é bom porque nos dá novo alento para vivermos melhor.(Eu também estou feliz pois já tenho mais outro netinho.)Vi as tuas fotografias e gostei, recordei algumas imagens que vi pela primeira vez quando da realização do encontro fotográfico de Aveiro.
Um beijinho amiga.

tossan® disse...

É bom demais visitar o teu blog! Hoje temos poesia escrita e fotografada. Sorte minha que posso apreciar. Beijo

Laura disse...

Aveiro que conheço por ter familiares da parte do manel, Ilhavo, mas, só lá entramos porque ele se perdeu. Um dia parti com os miúdos, deixei a família a picnicar..e meti-me na Av Lourenço peixinho em busca do meu amigo pintor; Mário e da família, mas a loja estava fechada, passaram para a rua de trás...não sabíamos onde viviam e estavam apenas a cem metros dali...Um dia vou voltar, de comboio e terei tempo para os procurar.

Lindo o teu neto, as flores e as fotos.

beijinhos da laura

Ana Sofia V. Sousa disse...

Ana!

Continua a captar momentos mágicos por aí! Confesso que já não vinha aqui ao seu canto à uns tempos... mas a vida não me tem permitido passar muito tempo por essas andanças!

Magníficos momentos!

Lia disse...

Que bonito, adorei!! Obrigado pela bonita partilha! Bjinhs e muitos passeios com seus netinhos. Desj-lhe asmaiores Felicidades!

Cristina Mestre disse...

Fotografar é bom, com um neto como companhia é super....
Fotos e reportagem a que já nos habituaste...bjk!!

Um brasileiro disse...

Olá. Tudo blz? Estive aqui dando uma espiada. Muito legal. Apareça por la. Abraços.